Diretrizes para Criar seu Site na Fita

Diretrizes para Criar seu Site na Fita

Seu Site na Fita é concebido obedecendo a 12 diretrizes para Criar seu Site. Com isso, evitamos a tentação de usar toda nossa criatividade ao desenvolver websites. Mas essa criatividade quase sempre resulta em problemas.

Este artigo aponta algumas diretrizes fundamentais para construir websites de sucesso.

1. Determine o propósito do site

Antes de escrever qualquer coisa sobre seu site, você deve definir claramente qual é seu propósito. Você quer vender produtos diretamente através de seu site ou coletar detalhes de contatos para futuras relações.
Também dependerá muito dos produtos e serviços oferecidos: itens com preço alto demandam mais esforço na construção de relacionamento do que uma compra por impulso. Também é preciso considerar a viabilidade de venda on line dos itens escolhidos. Identifique o propósito de seu site, a natureza dos produtos e serviços oferecidos e quais as ações que o visitante deve tomar.

2. Defina a estrutura

Uma vez você decidiu o resultado final que você quer alcançar, identifique os passos lógicos para atingir esse objetivo e estruture a navegação de seu site de acordo com essa estrutura.
Dê ao cliente as informações que ele procura e ajude-os a achar fácil e rapidamente. Se você oferece uma ampla gama de produtos, você deve oferecer uma ferramenta de pesquisa. Se seus produtos têm uma especificação técnica detalhada, adicione um botão para exibir informações adicionais em uma página adicional; deste modo você dará a agilidade da compra àqueles que visitam seu site já decididos a comprar e oferecerá informações adicionais àqueles ainda indecisos.

Acima de tudo, mantenha a estrutura a navegação tão simples e lógica quanto possível.

3. Adote um layout padrão

A maioria de sites tem uma área de navegação na lateral esquerda da página, o logotipo no topo e o conteúdo no restante da página, à direta. Outro layout comum traz o logotipo e a área de navegação na parte superior da página e o conteúdo abaixo disto. Sites com muito conteúdo juntam os dois layouts com o logotipo e a navegação de alto nível no topo e outra área de navegação na lateral esquerda.
Como esses layouts são os mais familiares aos usuários, é sábio adotar um deles, já que a última coisa que você vai querer é confundir seu visitante.

Evite muitos gráficos em movimento, pois eles acabam distraindo o visitante. Evite também páginas de abertura do tipo “clique aqui para entrar” já que elas servem apenas para fazer o visitante perder tempo. Evite soluções “bonitinhas” que podem comprometer o visual profissional de seu site.

4. Seja criterioso com as cores

Use cores contrastantes para seu texto: preto ou azul em um fundo branco é o ideal. Não esqueça de conferir as cores de seus links de texto antes e depois deles ter sido visitados, afinal você não quer que eles desapareçam. Como os fundos malhados e as marcas d’água, dificultam a leitura de seu texto, evite usa-los.

Use as cores corporativas nos elementos gráficos, como logotipo, botões, banners, e mantenha o esquema global de cores simples e equilibrado.

5. Seja consistente

Ponha seus links ou botões em um lugar proeminente e mantenha eles nos mesmo lugar em todas as páginas. Certifique-se de que a formatação do texto (fonte, cor, tamanho e efeito) seja consistente em todas as páginas.

Informe ao visitante qual página está sendo exibida e forneça links diretos para a página inicial e a seção de contatos em cada página de seu site.

6. Não seja criativo na escolha de fontes 

Certifique-se de que seu texto é fácil de ler. É tentador usar diferentes fontes em suas páginas, mas lembre-se que seu texto deve ser lido de forma confortável.
Lembre também de fornecer bastante espaço branco. Quebre seu texto em parágrafos pequenos, use marcadores, margens largas e outros recursos para dexar seu texto mais “limpo”.

7. Não esqueça: Tudo é Conteúdo

Uma vez você definiu seu propósito, planejou a navegação e escolheu o layout, é hora de começar a criar seu conteúdo.
Uma vez que você já decidiu que páginas estarão em seu site você deve ter uma boa idéia do tipo de conteúdo necessário para cada página. Escreva todo o texto que deve constar em cada página, decida que gráficos usar e lembre de distribuir bem as informações na página.

Este é um passo crítico. Uma vez você estabeleceu credibilidade com um visual profissional, é o conteúdo que fará com que o visitante se torne seu cliente, ou fará com que ele abandone seu site e vá fazer negócios com seus concorrentes.

8. Seja breve

Tenha em mente que os usuários da Internet tem pouca paciência e não dão atenção a páginas longas e com muito texto. Você deve dar todas as informações necessárias e fazer isso de forma o mais concisa possível.
Não faça seus visitantes rolar mais que uma altura da página, talvez você tenha que quebrar um artigo longo em uma série de páginas interligadas por botões de avanço e recuo.

9. Cheque os fatos, a ortografia e a gramática

Poucas coisas são piores para seus negócios do que erros de grafia ou fornecer informações incorretas aos seus visitantes. Isso destruirá sua credibilidade.
Leia atentamente todo seu texto e verifique duas vezes todos os fatos. Se possível, consiga outra pessoa para conferir seu texto para revisar a ortografia e a construção gramatical. Então faz isso tudo novamente, duas vezes!

10. Confira a velocidade de download do seu site

Já mencionamos que os usuários da Internet não têm paciência para ler longos textos. Isso é mais verdadeiro para páginas que demoram a ser exibidas.
Quando seu site estiver com o texto e os gráficos em todas as páginas, verifique o tempo de carga das páginas usando diferentes velocidades de conexão. Lembre-se que nem todo mundo tem uma conexão de banda larga. Sempre que possível reutilize os mesmos elementos gráficos, que serão carregados mais rapidamente após a primeira visualização.

11. Verifique a Compatibilidade com os Navegadores

Experimente exibir seu site em diferentes navegadores e em diferentes resoluções de monitores.
Os usuários usam diferentes configurações de tamanho de fontes e talvez exibam muitas barras de ferramentas que reduzem a área livre para exibição da página.
Nada é mais frustrante que um site que você não pode ler porque ele tem um tamanho fixo e não pode ser visto em uma única tela.

12. Valide a Compatibilidade com o Usuário 

Finalmente, faça um teste de funcionalidade. Consiga um usuário típico para fazer um teste prático de seu website. Se possível, peça a ele para comprar um produto e deixe-o percorrer o processo inteiro de início ao fim.
Ele conseguiu encontrar o que buscava em três cliques, ou menos? Ele achou fácil efetuar a compra? Quanto tempo levou? Ele ficou confuso ou destraido em algum ponto?

 

 

 

Tem dúvidas ou perguntas?

Envie sua mensagem